O transe e o antes.

As 2 palavras apareceram na leitura do tópico do amigo LuízDeMog no fórum de fotografia BrFoto.

As frases originais, então ditas por ele, estão descritas abaixo:

1-” Estas fotos foram feitas no periodo de “transe” que comentei no outro topico. “

2-” Tenho visto a foto antes de olhar pelo visor. ”

Por coincidência eu já havia comentado a respeito deste transe na entrevista que dei ao Marcos Borges Filho lá no DigiFórum, e que foi reproduzida aqui mesmo no Blog, podendo ser lida na seção entrevistas.

É interessante notar isto.

O transe, no meu caso, não é algo no sentido de se sair da realidade e perder a noção de tudo, ou a incapacidade de se saber o que se faz … é justamente o contrário, podendo ele ser dominado, controlado.

Funciona como uma espécie de ‘endorfina fotográfica’, uma sensação espetacular e motivadora, um torpor temporário onde a concentração é máxima e a atenção com as possibilidades idem.

O “antes” é aquele momento em que a gente percebe que pode fazer uma foto legal e a partir disto começa a buscá-la.

Não é algo simples e faz parte do processo criativo, onde se compreende tudo o que envolva o pré-clique … a diagramação das imagens, as proporções a serem exploradas, a composição que se busca, a linguagem, o que aparece e como aparece, o que focar, o que desfocar …

O antes, o pré-clique, a concepção, é parte importantíssima de todo o processo e envolve muito mais do que se pensa.

Não são como duas faces da mesma moeda; podem andar juntas, podem andar separadas … mas não podem passar indiferentes.

Costumo praticar ambas.

Captura das imagens:

1- SMC Takumar 50/1.4.
2- CZJ Flektogon 35/2.4.

Anúncios

2 comentários sobre “O transe e o antes.

  1. Peri, muito me encanta essa capacidade de antecipar a fotografia. Além de produzir resultado maravilhoso no enquadramento e na composição da foto, elimina o trabalho de ter de estar apagando um monte de fotos.

    Abração

    • O bom é que isto fica semi-automatizado com o tempo.
      A gente já olha pra cena esquadrinhando ela todinha, parece que vê o mundo em frames. – risos

      Abraços, Cabra.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s